Coluna | BRASILzão
Fábio Brito
Presidente da Empresa das Artes, editora com mais de 160 obras publicadas nos segmentos de turismo, meio-ambiente e cultura; de guias de viagem a livros de arte. Os textos de Brasilzão são de sua autoria.











Lisboa, quase Perfeita.
19/02/2018

Uma longa caminhada. Ruas bem pavimentadas, calçadas uniformes, fiação elétrica subterrânea e luz amena, amarelada, clareia o espetacular casario, patrimônio histórico, monumentos e edificações seculares que são testemunho da rica e poderosa civilização portuguesa. 


Os restaurantes são charmosos, os bares acolhedores, a mobilidade urbana ampla com múltiplas opções para o transeunte habitante, viajante ou turista: ônibus elétricos, tramways, bondes, metrô, táxis ou trens suburbanos...


 A capital portuguesa é limpa, está linda e é esteticamente harmônica. Os habitantes são simpáticos e sorridentes. Os preços são acessíveis e não há arrogância por parte dos lisboenses ou dos demais cidadãos portugueses.


- Como assim? Por que seriam ou estariam arrogantes os lusitanos?


- Uma boa parte dos brasileiros têm seus ancestrais da península ibérica e, mais precisamente, de Portugal. Esses filhos "bastardos" desprezam a sua própria origem ao zombar dos portugueses e não conseguem olhar para o próprio umbigo. São Paulo, uma das maiores metrópoles da América Latina está violentada. Suas calçadas esburacadas ou mal concebidas, estão sujas. Suas ruas em grande parte esburacadas. Os postes tortos e os fios elétricos agridem visualmente o enxergar das fachadas dos poucos e belos edifícios que restaram após a destruição maciça ocorrida após o início da década de 40 do século 20. Não há plano diretor, não há padronização arquitetônica, não há espírito cívico e não há nenhum compromisso com a estética urbana, com o paisagismo, com a limpeza e higiene na urbe!!! Entretanto...


- Entretanto?


- Sim, qual é a sua opinião?


- Entretanto... é tarde demais. O Brasil perdeu o seu rumo e "La Nave no Va". A Nação está cambaleante, a população inculta e semi analfabeta, os jovens estão afoitos e desleixados, os adultos perdidos pois tampouco receberam uma formação familiar ou educacional a contento.


- É tarde demais... O Brasil não tem mais jeito. As cidades estão favelizadas, os rios poluídos, as florestas sendo dizimadas e gangsters se apoderaram da Máquina Pública com um terrível e maldito projeto de bestialização da população brasileira maldosamente iludida para manter os pobres carentes ao receber migalhas em nome do populismo e a falsa esquerda viver nababescamente...


- Estou brasileiro mas meu DNA é português. Entretanto a fantástica Lisboa assustou-me pelo assédio constante e constrangedor por pessoas que buscam vender "estímulos" através de drogas ilícitas pelas ruas do centro histórico da Capital. Estes invasivos "vendedores" afugentam o turista e o viajante que buscam lazer saudável e cultural em Lisboa.


- Nem tudo é perfeito infelizmente!!! 

 

         

 

 

Comente!

 
Últimos artigos deste colunista
28/03/2018 | O Brasil agoniza
07/02/2018 | Paris e a Gastronomia
« ver todos
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Colunistas

Página Principal | Notícias | Entretenimento | Guia Comercial | Guia de Bares e Restaurantes | Guia de Hospedagem
SIGA O VARGINHA ONLINE Curta a Página do VOL no Facebook Siga o VOL no Twitter Fale conosco
Quem Somos | Entre em Contato | Cadastre sua Empresa | Cadastre seu Evento | Central do Usuário | Anuncie no Varginha Online

Todos os direitos reservados 2000 - 2014 - Varginha Online - IPHosting- Hospedagem de Sites (Parceiro Varginha Online)